Quarta, 28 de Outubro de 2020
86 9 8877-6606

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 98877-6606

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

26°

23° 37°

Teresina - PI

Últimas notícias
Cinema
Cinema
As últimas notícias do cinema, trailers e entrevistas, horários de filmes, e muito mais.
Entretenimento Confira a lista
25/09/2020 10h58
Por: Aline Alves

Confira os cinco melhores filmes com Julia Roberts

Separamos as produções que se destacam nas avaliações de críticos e do público

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Há mais de três décadas, Julia Roberts encanta o público nas telas de cinema com seu característico sorriso amplo. Mas há muito tempo ela deixou de ser apenas mais um rostinho bonito em Hollywood. A atriz é reconhecida por seu trabalho, que inclui inúmeras produções elogiadas pelos críticos e pelo público em geral.

  1. Três Mulheres, Três Amores (1988)



Antes de ganhar o mundo com o sucesso de bilheteria Uma Linda Mulher (1990), Julia Roberts estrelou a comédia romântica Três Mulheres, Três Amores, de Donald Petrie, que chegou aos cinemas poucos dias antes do aniversário de 21 anos da atriz. Na história, três garçonetes de uma pizzaria na pequena cidade de Mystic sonham com uma vida melhor, longe dali, ao mesmo tempo que se aventuram em atribulados romances. Disponível no Prime Video (para assinantes do MGM). Média 66,00.

  1. Closer: Perto Demais (2004)



Anos depois, Roberts deu vida a uma personagem muito mais complexa em Closer: Perto Demais, de Mike Nichols. Aqui, ela contracena com Natalie Portman, Jude Law e Clive Owen. Eles formam um "quadrado amoroso" na narrativa relativamente engenhosa sobre as histórias cruzadas de dois casais. Os quatro enfrentam situações de amor e ódio durante o filme, que mostram como, de perto, todos os relacionamentos têm problemas. Disponível para locação no YouTube e Now Online. Média 68,33.

  1. O Retorno de Ben (2018)



Neste drama de Peter Hedges, por sua vez, Julia interpreta uma mulher entre os maiores desafios da maternidade. Após uma internação compulsória em uma clínica de reabilitação, seu filho Ben (Lucas Hedges) está novamente com sua família, para celebrar o Natal. A relação entre o garoto e as drogas, no entanto, ainda não chegou ao fim, como sua mãe logo percebe. É preciso, então, lutar para mantê-lo em um caminho seguro. Com uma trama linear, são as atuações que marcam o longa. Disponível no Prime Video. Média 71,33.

  1. Um Lugar Chamado Notting Hill (1999)



De volta às comédias românticas, em Um Lugar Chamado Notting Hill, de Robert Michell, Julia surge como uma estrela de Hollywood sofrendo com a vida sob os holofotes. Ela acaba se encantando por um tímido dono de uma livraria de Londres, interpretado por Hugh Grant. Com vidas desiguais, os encontros entre os dois são sempre interrompidos pela turbulência na vida dela, marcada pelos excessos de uma grande celebridade perseguida pela mídia. Disponível no Prime Video (para assinantes do Paramount) e Telecine Play. Média 74,00.

  1. Erin Brockovich, uma Mulher de Talento (2000)



O primeiro lugar não poderia ficar com outro filme. Erin Brockovich, de Steven Soderbergh, rendeu um Oscar de melhor atriz para Roberts. Trata-se de um drama baseado na história real de uma assistente de advogado que colocou  no banco dos réus uma poluidora empresa de energia da Califórnia. Mãe solteira, Erin investigou o caso sozinha e convenceu os cidadãos locais a cooperarem com ela para desmarcar a companhia. Disponível no Now Online. Média 76,67.

Fonte: GauchaZH
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®