Sábado, 05 de Dezembro de 2020
86 9 8877-6606

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 98877-6606

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

26°

24° 34°

Teresina - PI

Últimas notícias
R10 Pet
R10 Pet
Tudo sobre o mundo dos pets.
Entretenimento Aprenda a fazer
20/10/2020 17h49
Por: Francine Dutra

Bom pra cachorro: confira três receitas seguras de picolé para seu pet

Consumir alimentos refrescantes pode ser benéfico para os bichinhos durante o clima quente, afirma especialista.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O calor está cada vez maior. Com sua chegada, a atenção em relação aos  cuidados com os bichinhos de estimação por parte dos pais e mães de pet se tornam extremamente necessária. Assim como nós, cães curtem muito se refrescar durante esse período, por isso os picolés apropriados podem ajudar seu pet a viver o calor com menos sofrimento.

De acordo com a veterinária Karoliny Iorgov, da AmahVet, os tipos de picolés mis indicados são os de frutas. Quase todas são indicadas, com exceções da uva (pode causar lesões renais), do abacate (porque pode causar vômito ou diarreia), a cereja (que pode conter cianeto que leva a um corte do transporte de oxigênio celular), caqui, e algumas frutas cítricas que podem causar irritação no estômago.

"Porém, a verdade é que vai depender das particularidades do cão em relação a tolerância a esses alimentos. Banana pode, mas com cuidado pois é calórica. Alguns animais com problemas de obesidade, diabetes, não devem consumir. Mas, em geral, o consumo de frutas pode até ajudar a manter a imunidade alta nos animais", afirma.

Continua depois da publicidade

A especialista indica utilizar maçã, melancia, melão, cenoura, chuchu e banana (com a ressalva das calorias). Ela ainda dá dicas de como conseguir fazer o picolé com todos esses alimentos: "É necessário lavar bem, picar, colocar água ou água de coco (com a mesma ressalva para animais diabéticos ou com sobrepeso), colocar no congelador em um saquinho, forma de silicone, pote ou copo plástico e oferecer para o pet no outro dia".

Para ajudar os tutores nesse período, a veterinária Thais Matos, da DogHero, separou três receitas saudáveis e fresquinhas que podem ser consumidas pelos cachorros (em pequenas doses) sem medo. "Caso os cães apresentem restrições alimentares ou alergia, é necessário consultar um especialista", lembra a veterinária. Confira as receitas abaixo.

Sorvete de Melancia 

Continua depois da publicidade

Ingredientes: Meia melancia sem caroço e folhas de hortelã.

Modo de preparo:

Bata a melancia sem caroço no liquidificador até formar um suco. Pique as folhinhas de hortelã e misture com ele. Depois despeje o conteúdo em uma forma e leve ao freezer. Sirva em cubos para o cãozinho derreter com a língua ou coloque na água para refrescá-lo. 

Continua depois da publicidade

Iogurte gelado de banana

A banana é um alimento rico em fibras, potássio, magnésio, antioxidantes e tem uma série de outros benefícios que colaboram com a dieta do seu cãozinho. Já o iogurte natural é um alimento com vários benefícios para a saúde dos cães, fonte de cálcio e vitaminas do complexo B, nutrientes que equilibram a flora intestinal e ajudam a prevenir problemas gastrointestinais. 

Ingredientes:   ½ xícara de iogurte natural integral, 1 banana madura e um pouco de água.

Modo de preparo:

Misture os ingredientes em um liquidificador, menos a água. Bata até ficar homogêneo. Adicione a água aos poucos, conforme o necessário para formar um creme. Despeje a mistura em forminhas de cupcakes e congele tudo. Antes de servir, retire do congelador, desenforme e deixe derreter levemente por alguns minutos. 

Sorvete de Morango

Por ser uma das poucas frutas que pode ser oferecida com casca e sem descartar as sementes, o morango possui um bom teor de vitamina  A, B e C, além de ser rica em antioxidantes. "A fruta também ajuda a fortalecer o sistema imunológico dos animais e a combater o tártaro",  afirma a veterinária.  

Ingredientes: morango e água

Modo de Preparo:

Retire a folhinha verde e pique a fruta em pedacinhos. Bata no liquidificador com a água. Coloque na forminha e congele. Depois de congelado, desenforme e sirva para o cachorro.

Fonte: Canal do Pet
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®