Domingo, 11 de Abril de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

32°

23° 34°

Teresina - PI

Últimas notícias
R10 Policial
R10 Policial
Tudo sobre notícias policiais do Brasil e do mundo.
Política Final de campanha
12/11/2020 08h38 Atualizada há 5 meses
Por: Marina Sousa

Vídeo: Candidato a vereador e rivais saem na porrada no Piauí

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Vídeos compartilhados nas redes sociais mostram uma confusão entre o candidato a vereador do grupo oposicionista, Natan Araujo (MDB), e apoiadores de campanha do candidato a prefeito Nonatinho do Sindicato (PT). A balbúrdia aconteceu na tarde dessa quarta-feira (11/11), no Bairro Ulisses em Cocal, município da região Norte do Piauí. 

O atual vice-prefeito que concorre ao cargo majoritário em Cocal, Nonatinho do Sindicato, denunciou em um vídeo que durante os atos de campanha realizados nesta quarta-feira (11), no bairro Ulisses, estava sendo vítima de perseguição por parte de membros do grupo adversário que apoiam a candidatura a prefeito do médico, Dr. Cristiano Britto (MDB). 

A perseguição teve início pela manhã e perdurou por todo o dia, na qual aliados oposicionistas em atitude suspeita e que se encontravam no interior de carros com vidros fumê acompanhavam a uma pequena distância todos os passos do candidato situacionista. 

Continua depois da publicidade

Já no período da tarde, os correligionários de Nonatinho foram afrontados pelo candidato a vereador do grupo adversário, Natan Araujo, que visivelmente alterado, ofendeu todos os presentes e por muito pouco não provocou uma briga generalizada.

No vídeo, alguns simpatizantes de Nonatinho tentam evitar que aconteça algo mais grave ao tentar imobilizar Natan, que está impetuoso e ao conseguir se desvencilhar parte para cima e agride alguns oponentes, no entanto, acaba levando a pior.

Com a circulação dos vídeos da denúncia de Nonatinho e da briga envolvendo um de seus lideres políticos, o candidato oposicionista, Dr. Cristiano Britto, utilizou as suas redes sociais para rebater tais acusações, afirmando se tratar de fake news (noticia falsa) os relatos de perseguição e que na confusão quem teve a integridade física ameaçada foi o Natan Araujo.

Fonte: Blog do Coveiro
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®