Segunda, 27 de Junho de 2022
86 9 98219621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 99800-8359

24°

18° 33°

Teresina - PI

Últimas notícias
Política Destaques do dia
13/11/2020 08h51
Por: Jornalista Milton Atanazio

13 de novembro, sexta-feira – DESTAQUES DO DIA

 

Bom dia! Aqui estão os principais assuntos para você começar o dia bem-informado, destacados pelo jornalista Milton Atanazio


Números da pandemia: Brasil registra 926 novas mortes por Covid-19 após atualização de dados atrasados. Laudo do IML indica morte por combinação de medicamentos que nada têm a ver com a vacina; homem encontrado morto em SP teria participado de teste da CoronaVac. ‘Sem puxador de voto’: as eleições 2020 serão as primeiras sem coligação para vereadores. Em meio à precariedade no fornecimento de energia elétrica no Amapá, TSE ordena que eleição em Macapá ocorra até 27 de dezembro. ‘O Assunto’ debate o apagão no estado. Nos Estados Unidos, o Departamento de Segurança Interna diz que a eleição presidencial de 2020 foi a ‘mais segura da história’. E ainda: a reforma da Previdência completa um ano nesta sexta. Tem alerta de temporais pelo país.

Dados da pandemia

Brasil registra 926 novas mortes por Covid após atualização de dados atrasados
Brasil registra 926 novas mortes por Covid após atualização de dados atrasados
VÍDEOhttps://globoplay.globo.com/v/9019634/

As mortes pela pandemia no Brasil deram um salto depois que os estados conseguiram atualizar os dados represados. Problema em sistema do Ministério da Saúde afetou divulgação completa por 6 dias. O país registrou 926 óbitos pela Covid-19 nas últimas 24 horas, chegando ao total de 164.332 mortes. Com isso, a média móvel de mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 365. Em casos confirmados, desde o começo da pandemia 5.783.647 brasileiros já tiveram ou têm o novo coronavírus. Veja a situação do seu estado.

Números da pandemia: Brasil registra mais de 900 novas mortes por Covid-19 após atualização de dados atrasados
Números da pandemia: Brasil registra mais de 900 novas mortes por Covid-19 após atualização de dados atrasados
  • Internações hospitalares por Covid-19 na França superam as da primeira onda
  • Hotéis de Roma trocam turistas por pacientes com Covid-19
  • Mundo tem recorde diário de casos e de mortes por Covid

CoronaVac

CoronaVac é a vacina desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan — Foto: Reprodução/GloboNews
CoronaVac é a vacina desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan — Foto: Reprodução/GloboNews

A causa da morte do voluntário que participava dos testes da vacina CoronaVac foi por uma combinação de medicamentos que não têm relação com o imunizante. Foi uma intoxicação aguda por agentes químicos, segundo o laudo do exame toxicológico realizado pelo Instituto Médico Legal de São Paulo, obtido com exclusividade pelo jornalista César Tralli.

Entenda o caso: a Anvisa suspendeu os testes da vacina na segunda-feira (9) por causa de “evento adverso” em um voluntário e, na terça-feira (10), a divulgação do boletim de ocorrência mostrou que a causa da morte de um voluntário foi suicídio. No dia seguinte, a agência liberou a retomada dos testes.

  • Medicago e GSK planejam testes das fases 2 e 3 de vacina contra a Covid com 30 mil voluntários pelo mundo

Pesquisa promissora

Vacina do tamanho de uma aspirina é colocada perto do local do tumor — Foto: Reprodução / Universidade de Harvard
Vacina do tamanho de uma aspirina é colocada perto do local do tumor — Foto: Reprodução / Universidade de Harvard

Pesquisadores dos Estados Unidos afirmam ter obtido sucesso nos estágios iniciais de desenvolvimento de uma vacina contra um tipo específico de câncer de mama. O estudo está na fase de testes em cobaias, mas os cientistas dizem que a técnica foi capaz de destruir as células cancerosas e também de criar memória imunológica, que forneceu proteção contra o ressurgimento do tumor. Saiba mais.

Eleições 2020

Card Eleições 2020 — Foto: Foto: Guilherme Gomes/G1
Card Eleições 2020 — Foto: Foto: Guilherme Gomes/G1

As eleições de 2020 são as primeiras sem as chamadas coligações de partidos para vereadores. Até a eleição passada, os partidos se juntavam em torno de candidatos bem conhecidos, chamados puxadores de voto, e eles acabavam elegendo também candidatos dos outros partidos coligados. Nesta ano, a regra do jogo mudou. Partidos só podem se juntar para apoiar candidatos à prefeitura. As coligações estão proibidas na eleição proporcional, nesse caso a de vereadores. Entenda o impacto.

E, em uma iniciativa inédita, o G1 vai publicar textos com o resultado da eleição em cada uma das 5.568 cidades do Brasil com o resultado do pleito. Isso será possível graças a um modelo de automação que se utiliza de inteligência artificial criado em conjunto com a área de Tecnologia da Globo. Ele conta com processamento de linguagem natural e vai permitir que sejam registrados, em formato de reportagem, os prefeitos eleitos ou as disputas que irão ao 2º turno nos municípios.

  • Seções eleitorais terão adesivos para orientar distanciamento e mesários com escudo facial; uso de máscara é obrigatório
  • Jogo eleitoral já tem 50 cidades; descubra qual candidato é a sua cara
  • Nomes e números: encontre seu candidato a vereador
  • Confira as últimas pesquisas de intenção de voto para prefeito
  • Lista: quem são os candidatos a prefeito nas 26 capitais
  • Eleições 2020: passo a passo para votar com segurança

E mais: Veja o que é #FATO ou #FAKE nas declarações dos candidatos às prefeituras de Belo Horizonte, São Paulo e Rio na 7ª semana de campanha.

  • Estado de SP tem mais de 200 candidatos com patrimônio acima de R$ 1 milhão que receberam auxílio emergencial, diz TCU

Mudança na Casa Branca

Eleição nos EUA - apuração dos votos na Geórgia em 4 de novembro — Foto: Jessica McGowan / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / Getty Images via AFP
Eleição nos EUA – apuração dos votos na Geórgia em 4 de novembro — Foto: Jessica McGowan / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / Getty Images via AFP


A eleição presidencial realizada em 3 de novembro foi “a mais segura da história americana”, segundo um comunicado oficial divulgado por altos funcionários da Agência de Segurança Cibernética e Infraestrutura, ligada ao Departamento de Segurança Interna dos EUA.

Ainda de acordo com o documento, “não há evidências de que qualquer sistema de votação excluiu ou perdeu votos, alterou votos ou foi de alguma forma comprometido”, contrariando as alegações do presidente Donald Trump, que afirma que houve fraude. O democrata Joe Biden foi declarado vencedor, mas Trump não reconhece o resultado.

11º dia de apagão

Protesto por energia com fogo em via na Zona Norte de Macapá — Foto: Reprodução
Protesto por energia com fogo em via na Zona Norte de Macapá — Foto: Reprodução

Moradores de diversos bairros de Macapá, capital do Amapá, seguem indo às ruas protestando pelo retorno integral do serviço e criticando a falta de cumprimento dos horários do rodízio, que estabelece o fornecimento em períodos alternados de 3 e 4 horas. Na noite desta quinta-feira (12), alguns dos atos se concentraram na Zona Norte, com queima de pneus, madeira e interrupção de vias. Desde a sexta-feira (6), a Polícia Militar (PM) contabilizou cerca de 80 atos em todo o estado, principalmente na capital e Santana.

Nesta quinta, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirmou adiamento da eleição em Macapá. A votação deve ocorrer até 27 de dezembro.

  • Apagão no Amapá: confira os horários do novo rodízio de energia
  • Entenda as causas e consequências da falta de energia no estado

O Assunto

eleição foi adiada em Macapá, enquanto os moradores sofrem e protestam pela falta de energia. Neste episódio do podcast ‘O Assunto’, a conversa é sobre o motivo da mudança de data acontecer apenas na capital, e quem está se escondendo do problema.

1 ano da Reforma da Previdência

Há um ano, entrou em vigor a reforma da Previdência, por meio da Emenda Constitucional 103, que trouxe mudanças importantes para a aposentadoria de trabalhadores do setor privado e servidores públicos federais. As novas regras acabaram adiando o sonho da aposentadoria para muita gente. Com isso, o número de aposentadorias concedidas diminuiu desde a entrada em vigor da reforma. Em setembro de 2019, o total de aposentadorias concedidas foi de 152,2 mil. Em setembro deste ano, foram 95,8 mil, queda de 37%. Leia mais.

  • VEJA TODAS AS MUDANÇAS COM A REFORMA DA PREVIDÊNCIA

PIX

A Secretaria da Receita Federal acompanhará de perto as movimentações financeiras efetuadas pelos brasileiros e pelas empresas por meio do PIX — novo sistema brasileiro de pagamentos instantâneos instituído pelo Banco Central, que começa a operar na próxima segunda-feira (16).

O PIX permite transferências de recursos imediatas sete dias por semana, 24 horas por dia. Um período de testes teve início no dia 3 deste mês. A expectativa é que o sistema seja o substituto dos DOCs e TEDs, disponibilizados atualmente pelas instituições financeiras para movimentação de recursos.

Trilha de novela ????

Gerente de produção musical e sonoplastia de 2015 a 2020, Marcel Klemm explica os bastidores e como a seleção do repertório é feita nos últimos anos para as trilhas das novelas. Klemm fala sobre a rotina do trabalho, a diferença entre diretores e como Billie Eilish e Ariana Grande entraram na trilha de “A Dona do Pedaço”; veja a entrevista.

Nesta semana, o G1 revela os bastidores das trilhas sonoras das novelas, por meio do relato de diretores musicais que passaram pela emissora.

Previsão do tempo
Confira os destaques da previsão do tempo
Confira os destaques da previsão do tempo
https://globoplay.globo.com/v/9019704/


Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp