Terça, 26 de Janeiro de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

23°

23° 33°

Teresina - PI

Últimas notícias
Tecnologia
Tecnologia
Todas as informações sobre tecnologia no mundo.
Geral Defesa do consumidor
03/12/2020 11h20
Por: Francine Dutra

Procon vai exigir que Apple forneça carregador do iPhone

Órgão anunciou que irá cobrar da Apple que forneça o adaptador de tomada para clientes que pedirem.

Foto: Internet
Foto: Internet

O Procon-SP vai exigir que a Apple disponibilize carregadores para iPhones para clientes que pedirem. A decisão do órgão divulgada nesta semana é uma resposta à estratégia da empresa da maçã de retirar o adaptador de tomada e fones de ouvido da caixa após o lançamento do iPhone 12. Além do novo celular, a mudança também passou a valer para os smartphones antigos.

A companhia justificou que a retirada das peças foi por motivos ambientais, mas mesmo assim causou polêmica entre os usuários. A Apple disse que não vai comentar o caso.

O Procon-SP já havia notificado a Apple em outubro. Na ocasião, a empresa precisou dar explicações sobre ter retirado os acessórios da embalagem dos telefones. A resposta da companhia foi que já existe uma grande quantidade de adaptadores de tomada adquiridos pelos próprios consumidores e que a distribuição de novos componentes poderia contribuir para o aumento da produção de lixo eletrônico e emissão de carbono.

Continua depois da publicidade

No entanto, o órgão afirmou em nota divulgada nessa quarta-feira (3) que a companhia "não demonstra ganho ambiental com a alteração" e que "o dispositivo é peça essencial para o uso do produto".

Outro ponto criticado pela Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor de São Paulo é a ausência de informação por parte da Apple sobre a nova condição de venda. O Procon--SP entende que a companhia não informou a alteração de forma potencializada e também não reviu o preço dos smartphones.

“É incoerente fazer a venda do aparelho desacompanhado do carregador, sem rever o valor do produto e sem apresentar um plano de recolhimento dos aparelhos antigos, reciclagem etc. Os carregadores deverão ser disponibilizados para os consumidores que pedirem”, afirma Fernando Capez, diretor-executivo do Procon-SP.

Continua depois da publicidade

Atualmente o carregador é vendido no site oficial da Apple por R$ 199. Consumidores que não tiverem o componente de compras anteriores deverão desembolsar este valor para recarregar o celular.

De acordo com o Procon-SP, a Apple passará por uma análise da diretoria de fiscalização que tem o poder de decidir se existem infrações à lei em casos como este. Se for constatado que a ação da fabricante não está de acordo com a conduta prevista no Código de Proteção e Defesa do Consumidor, a companhia poderá ser multada.

Fonte: Procon-SP
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®