Terça, 18 de Maio de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

32°

23° 32°

Teresina - PI

Últimas notícias
Famosos
Famosos
Tudo sobre o mundo das celebridades.
Entretenimento Lançamento
05/12/2020 09h50
Por: Francine Dutra

Michel Teló lança 'Para Ouvir no Fone', mini álbum com sete músicas

Foto: Globo
Foto: Globo

Dono de sucessos dançantes e pegajosos como "Ai Se Eu Te Pego", "Fugidinha" e "Humilde Residência", Michel Teló, decidiu apostar em letras mais introspectivas em seu novo EP (mini álbum) "Para Ouvir no Fone", lançado hoje em todas as plataformas digitais.

Gravado durante a quarentena em São Luiz do Paraitinga (a 182km de SP), o projeto - que tem influência do que o cantor ouve, como Almir Sater e John Mayer –, reúne sete faixas inéditas. Todas as músicas contam com a parceria ou a autoria de Teófilo Teló, irmão de Michel.

"Queria fazer um álbum diferente de tudo o que eu fiz e deixar uma mensagem, um acalento ao público. Neste momento de pandemia, me deu uma vontade muito grande de gravá-las. Fizemos tudo à distância. Eu em São Paulo, o Teo no Pantanal e o Marcinho, responsável pela produção e arranjos, em Campo Grande", disse o cantor, em entrevista por email ao Agora. "Quero que as pessoas parem para ouvir mesmo, e não que seja somente um fundo musical."

Continua depois da publicidade

As letras, diz Michel Teló, procuram retratar momentos simples e únicos da vida. Uma das mais especiais para o músico é "Sonhos e Planos". "Fizemos embaixo da casa da árvore lá de casa. A [filha] Melinda com meses. Teve uma hora que a Melinda deu um suspiro profundo, nós ficamos tão emocionados que isso virou um trecho da música", relembra o cantor.

Já "O Tempo Não Espera Ninguém" - que tem um clipe inédito no YouTube -, Michel Teló escreveu durante uma turnê. "Estava em um quarto de hotel, na estrada, quando a Thais [Fersoza, esposa do cantor] ainda estava grávida da Melinda, e me vinham esses pensamentos."

As outras cinco faixas do EP são "Pra Ouvir no Fone" - música que dá nome ao álbum -, "Motivos", "Dia Nada a Ver", "Café Coado" e "Verão de um Amor Caipira".

Esse é o segundo EP que Teló lança em 2020. Em março, o cantor apresentou "Churrasco do Teló - Volume 2". Afastado dos palcos por causa da pandemia da Covid-19 e pela proibição de aglomerações, ele sente falta do público.

"Desde criança eu vivo em cima do palco e amo cantar, levar alegria para as pessoas. A estrada faz parte da minha vida, desde os 12 anos profissionalmente. Sem dúvida estar em cima do palco, trocar energia com as pessoas, faz muita falta", diz o paranaense de Medianeira, criado no Mato Grosso do Sul e que mora em São Paulo.

Apesar disso, as lives que fez durante a pandemia, como as de São João, de Dia das Mães e do Bem Sertanejo, e as redes sociais – principalmente pelo Instagram, em que possui quase 11,5 milhões de seguidores, e pelo Twitter, com 5,8 milhões, – foram uma forma de reconectá-lo aos fãs.

"Tentei criar várias maneiras de me aproximar do público, mas nada substitui o olho no olho, a presença e a vibração de um show. Acho que este álbum será mais uma maneira de levar um pouco da minha arte para o meu público."

The Voice Depois do lançamento do EP, Teló se concentra agora na reta final da 9ª temporada do The Voice Brasil (Globo). Em sua sexta edição como jurado – ao lado de Carlinhos Brown, Iza e Lulu Santos -, ele busca vencer o reality musical pela sexta vez seguida.

"Quando surgiu o convite este ano novamente eu fiquei muito feliz. Poder fazer um pouco do nosso ofício em um projeto que eu amo tanto e me sinto honrado em participar é maravilhoso. É importante poder dar voz a alguns cantores neste momento que está todo mundo em casa. Inclusive, a gente subir no palco para cantar foi muito incrível. É uma temporada diferente, mas de altíssimo nível, feita com muito amor e respeito", celebra.

Cantor aproveita a quarentena para cozinhar e curtir a família Com os shows cancelados e sem previsão de voltar aos palcos, Michel Teló segue afastado desde março. Além da música, o cantor tem aproveitado o período da quarentena para ficar ao lado da mulher, Thais Fersoza, 36 anos, - com quem está há oito anos -, e dos filhos Melinda, 4 anos, e Teodoro, 3.

O artista até descobriu uma nova habilidade longe da área que domina. "Eu dediquei bastante do meu tempo para a música, mas a gente se virou muito em casa. Fizemos de tudo um pouco: cuidamos da cozinha, lavamos a roupa, cuidamos da limpeza e da organização da casa e brincamos com as crianças. Mas cozinhar foi algo que aprendi muito durante a pandemia e a galerinha curtiu bastante aqui em casa", conta o cantor.

Morador da cidade de São Paulo, Teló está desde outubro no Rio de Janeiro, onde as gravações da nona temporada do The Voice Brasil (Globo) acontecem. "Desde março estamos em casa direto, nos cuidando. Estamos levando muito a sério [o isolamento social]. Como o nosso trabalho parou totalmente, decidimos realmente ficar em casa. Nos dedicamos às lives e trabalho digital. Nos últimos meses que tive o The Voice, viemos para o Rio de Janeiro, nos instalamos aqui e aqui estamos também em casa. Eu saio só para fazer o programa, respeitando todos os protocolos", conta.

Fonte: Notícias ao Minuto
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp