Domingo, 13 de Junho de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

24°

23° 33°

Teresina - PI

Últimas notícias
Turismo
Turismo
Notícias sobre turismo no Piauí, Brasil e Mundo.
Entretenimento Turismo no Piauí
28/12/2020 17h37 Atualizada há 5 meses
Por: Francine Dutra

Poço Azul: um paraíso escondido em Monsenhor Gil

Fotos: Juscel Reis/Conheça o Piauí
Fotos: Juscel Reis/Conheça o Piauí

Se tem um lugar em que a natureza caprichou bem, esse lugar é o Poço Azul. O local fica a 17 km do centro de Monsenhor Gil, pequena cidade a 60 km de Teresina, capital do Piauí.

#Sobre Monsenhor Gil

Monsenhor Gil, município que abriga a beleza do Poço Azul, tem um pouco mais de 10 mil habitantes e situa-se na microrregião de Teresina. A origem do município se deu com o povoamento por meio de ações religiosas lideradas pelo Monsenhor Gil.

Continua depois da publicidade

A cidade tem como principal atividade econômica a agricultura, com produção de arroz, mandioca, milho, feijão, e ainda conta com uma granja e um projeto de irrigação de manga e banana. Além disso, alguns investimentos industriais têm chegado ao município, como uma fábrica de sabão, de premoldados e a expansão da apicultura.

Monsenhor Gil, embora seja uma cidade pequena, carrega a vitalidade de estar próximo da capital, a hospitalidade do seu povo e o melhor, é rico em pontos turísticos naturais. E o Poço Azul é um deles.

#Como é o Poço Azul

Quem desconhece a região jamais imaginaria que aquele caminho daria em um cenário típico de filmes, novelas, mas que é em meio a caatinga e é tão acessível. Pelas estradas de terra, o ponto final é um ambiente cercado por uma vegetação um pouco mais fechada, quase intocável, com seus verdes que contrastam com um azul no chão que forma o Poço Azul.

O maior atrativo, sem dúvida, é a cor da água. A cor do céu faz jus ao nome do lugar. As águas do poço são realmente azuis e cristalinas. Quem fica na “beirinha” do poço tem boa visibilidade de toda a profundidade e vê nitidamente o que está no fundo da água. Nessa hora, aproveite para tirar uma foto, pois o cenário é perfeito para isso.

E quando você se jogar na água, a sensação é quase indescritível. Em meios aos peixinhos, troncos, restos de folhas, plantas, mergulhar pelo poço é uma experiência memorável.

#Como é o turismo no local

Ao redor do Poço Azul há estrutura com um bar. Pousadas, restaurantes e outros serviços só mesmo dentro da cidade. Lá onde está o poço é um ambiente no meio da mata e que está ali para que você se desligue e entre em conexão com a natureza.

Mais próximo do leito é possível acampar e é que muitos visitantes fazem. Para isso, leve tudo o que for necessário para passar dias e noites. Mas lembre-se de não deixar lixo no local. O meio ambiente agradece.

Para quem está em Teresina, a visita ao local pode ser feita em um dia, devido à proximidade com a capital. Não há guias turísticas, mas o local é de fácil acesso. Já para quem está em lugares mais distantes de Monsenhor Gil, a pedida é se hospedar em pequenas pousadas na cidade ou se hospedar em Teresina e, assim, aproveitar tudo o que essa região tem a oferecer.

O melhor período para visitar é após a época de chuvas nessa região do Piauí, que é entre janeiro e abril, pois passadas as chuvas, a água fica na medida certa de cristalina e de cor.

E se você deseja apreciar toda essa beleza natural, quase intocável pela ação humana, não tem preço, nem dia e hora marcada. Basta se programar e ir, pois diariamente está acessível para todos e gratuitamente.

Fonte: Conheça o Piauí
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp