Quarta, 28 de Julho de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

25°

22° 35°

Teresina - PI

Últimas notícias
Zé Santana
Zé Santana
Secretário da Assistência Social e Cidadania.
Piauí Secretário
21/01/2021 13h42
Por: Bruna Sampaio

Zé Santana acompanha vacinação dos primeiros idosos na Vila do Ancião

Na manhã desta quinta-feira (21), o governador Wellington Dias e o secretário de Assistência Social, Trabalho e Direitos Humanos (Sasc), Zé Santana, acompanharam a vacinação dos primeiros idosos e funcionários da Vila do Ancião. Também estiveram presentes o secretário Estadual de Saúde, Florentino Neto; o secretário municipal de Saúde de Teresina, Gilberto Albuquerque, e a deputada federal Rejane Dias.

As pessoas vacinadas na manhã de hoje compõem os grupos prioritários da vacinação no Estado do Piauí, que visa contribuir para a "redução da morbidade e mortalidade pela covid-19, bem como a transmissão da doença”.

Ascom
Ascom

O secretário Zé Santana lembra que é de responsabilidade da Sasc a garantia de cuidado de idosos institucionalizados, como é o caso da Vila do Ancião. “Hoje acompanhamos a vacinação dos idosos acolhidos aqui na Vila do Ancião, um momento que consideramos ser crucial, fundamental nesse período de pandemia que vivemos, que representa a esperança e deixa a expectativa de que não haja a proliferação desse vírus. Nós trabalhamos dia a dia com muito afinco e dedicação, buscando e propiciando todos os meios adequados e ideais para que esses idosos tenham uma convivência saudável e em toda harmonia com a natureza como tem aqui e hoje, com essa vacinação, nos alegra ter esse acréscimo de cuidado trazido a eles”, diz.

Continua depois da publicidade

O governador Wellington Dias fala sobre a importância da vacinação. “Nosso objetivo é a partir desse gesto do Seu Moreno e da Dona Madalena, que foram os primeiros a tomar a vacina na condição de idosos que estão numa área de atendimento social, estimular todos idosos a se vacinarem. Pedimos que as pessoas vacinem-se para se proteger de contrair a doença, mas também para baixar a taxa de transmissibilidade e proteger as outras pessoas e isso é fundamental”, ressalta.

Seu Moreno, o primeiro idoso a receber a vacina na Vila do Ancião, afirma que “não doeu nada, o que dói mesmo é a doença. O que tenho a dizer para as pessoas é que vacinem-se, pois essa é a liberdade, representa a nossa vida”.

Fonte: Ascom
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp