Sexta, 07 de Maio de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

24°

23° 30°

Teresina - PI

Últimas notícias
FOCO NA POLÍTICA - Direto de Brasília
FOCO NA POLÍTICA - Direto de Brasília
Jornalista, comunicador, árbitro judicial, consultor diplomático, cônsul honorário da Bielorrússia, editor da Revista VOX e Publisher da BrazilianNEWS.
Política Política
31/03/2021 07h48
Por: Jornalista Milton Atanazio

31 de março, quarta-feira – DESTAQUES DO DIA - Panorama político nacional

31 de março, quarta-feira – DESTAQUES DO DIA - Panorama político nacional

31 de março, quarta-feira – DESTAQUES DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Bom dia. Aqui estão os principais assuntos para você começar o dia bem-informado, destacados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília.


n  o  t  í  c  i  a  s

Brasil volta a bater recorde de mortes por Covid em 24 horas: foram mais 3.668 vidas perdidas. Números assustadores: se o estado de São Paulo fosse um país, estaria em 11º lugar em ranking mundial de mais óbitos pela doença. O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, faz reuniões com representantes dos EUA em busca de ajuda para agilizar a vacinação. Com a saída dos Comandantes das Forças Armadas, o presidente Jair Bolsonaro escolherá os novos nomes para assumirem o Exército, a Marinha e a Aeronáutica. Sem citar AI-5 ou censura, o novo ministro da Defesa, Braga Netto, publica ordem do dia sobre 1964. Em relatório, EUA apontam desrespeito do governo Bolsonaro à liberdade de expressão. Trabalhador saberá se tem direito ao auxílio emergencial a partir de 1º de abril. O Banco Central autoriza transferências bancárias pelo WhatsApp. E Sarah foi eliminada no ‘BBB21’

Escalada trágica

Brasil registra novo recorde na pandemia: 3.668 mortes em 24 horasBrasil registra novo recorde na pandemia: 3.668 mortes em 24 horas

Vídeos, fotos e links (EDIÇÃO COMPLETA) no site  www.foconapolitica.com.br

Continua depois da publicidade

Com 3.668 vidas perdidas em 24 horas, o Brasil voltou a bater a pior marca diária na pandemia. A um dia do fim do mês, março já tem quase o dobro de mortes por Covid registradas em julho de 2020, que era o pior mês da crise sanitária no país. O total de óbitos chega a quase 318 mil e os casos passam de 12,6 milhões.

Na capital paulista, o segundo maior cemitério fechou temporariamente por falta de sepulturas. A informação é de funcionários do serviço funerário e de familiares de vítimas da doença que não conseguiram enterrar seus parentes no local. Após bater um novo recorde diário com o registro de 1.209 novas vítimas nesta terça-feira (30), o estado de São Paulo ultrapassou a marca de mais de 73 mil óbitos pela doença. O número total de 73.492 mortes é maior que o registrado por 226 países, de acordo com balanço da Organização Mundial de Saúde (OMS). Caso SP fosse uma nação, estaria em 11º lugar no ranking mundial de países com maiores números absolutos de vítimas na pandemia.

Imunização no Brasil

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, durante pronunciamento nesta sexta-feira (26) — Foto: CLÁUDIO MARQUES/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, durante pronunciamento nesta sexta-feira (26) — Foto: CLÁUDIO MARQUES/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Vídeos, fotos e links (EDIÇÃO COMPLETA) no site  www.foconapolitica.com.br

Continua depois da publicidade

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, fez duas reuniões com representantes dos Estados Unidos em busca de ajuda para “ampliar a vacinação a curto prazo”. Ele pediu uma antecipação de 20 milhões de doses da vacina da Pfizer, que seriam devolvidas aos americanos no futuro. Além de conversar sobre a imunização no Brasil, Queiroga, segundo o ministério, também mostrou interesse em uma parceria para a compra de insumos, medicamentos e abastecimento de oxigênio.

Após a primeira reunião virtual com o embaixador Todd Chapman, Queiroga conversou com Anthony Fauci, médico-chefe da Casa Branca e diretor do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas. O especialista é um dos líderes da comissão de combate à pandemia nos EUA.

Vacinação clandestina

PF faz buscas na casa de uma suspeita da vacinação clandestina de empresários, em Minas

PF faz buscas na casa de uma suspeita da vacinação clandestina de empresários, em Minas

Vídeos, fotos e links (EDIÇÃO COMPLETA) no site  www.foconapolitica.com.br

Continua depois da publicidade

Em Belo Horizonte, a Polícia Federal cumpriu mandados de busca e apreensão na casa de uma suspeita de participar de uma vacinação clandestina contra a Covid. Agentes investigam se as vacinas apreendidas são falsas. Outra possibilidade é que sejam verdadeiras e que tenham sido desviadas do Ministério da Saúde ou importadas ilegalmente.

No final da noite, a cuidadora de idosos Mônica Pinheiro Torres de Freitas foi presa. Ela é suspeita de se passar por enfermeira e comercializar ilegalmente as vacinas. Segundo a PF, ela também é a responsável pela vacinação de empresários do setor de transportes, em uma garagem de ônibus de Belo Horizonte.

Mônica foi encaminhada para o Complexo Penitênciário Estevão Pinto, na capital, e responderá pelos crimes de falsificação, corrupção, adulteração ou alteração de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais. Os crimes preveem prisão por até 15 anos e multa.

Lembre o caso: a operação foi deflagrada após reportagem da revista Piauí, que revelou por meio de vídeos a imunização clandestina de empresários e políticos dentro de uma das garagens de empresas comandadas pelos irmãos Lessa.

Chefes militares

Bolsonaro se antecipa a pedidos de demissão e determina mudança nos comandos das Forças Armadas

Bolsonaro se antecipa a pedidos de demissão e determina mudança nos comandos das Forças Armadas

Vídeos, fotos e links (EDIÇÃO COMPLETA) no site  www.foconapolitica.com.br

Continua depois da publicidade

Com a saída dos Comandantes das Forças Armadas, anunciada pelo Ministério da Defesa nesta terça-feira, o presidente Jair Bolsonaro escolherá os novos nomes para assumirem o Exército, a Marinha e a Aeronáutica. A previsão está na Constituição de 1988: a Carta afirma que cabe ao presidente da República o comando supremo das Forças e a nomeação de seus líderes.

O Alto Comando envia listas tríplices, mas o presidente pode escolher qualquer oficial quatro estrelas (a patente mais antiga) com o qual ele tenha afinidade. Oficiais ouvidos pelo G1 esperam definição de nomes que não tenham perfil político e não permitam interferências internas. Entenda como funciona o processo.

Um dia após a saída do general Fernando Azevedo e Silva do Ministério da Defesa, Antônio Carlos Moretti Bermudez (Aeronáutica), Edson Pujol (Exército) e Ilques Barbosa (Marinha) deixaram os cargos. Os comandantes pretendiam apresentar um pedido de demissão conjunto, mas Bolsonaro se antecipou e determinou a saída deles, segundo apurou o blog do Camarotti. É a primeira vez desde 1985 que os comandantes das três Forças Armadas deixam o cargo ao mesmo tempo sem ser em período de troca de governo.

O Assunto

Neste episódio, os militares na equação de Bolsonaro. Ouça:

Vídeos, fotos e links (EDIÇÃO COMPLETA) no site  www.foconapolitica.com.br

Continua depois da publicidade

Ordem do dia

Braga Netto — Foto: Jornal Nacional

Braga Netto — Foto: Jornal Nacional

Vídeos, fotos e links (EDIÇÃO COMPLETA) no site  www.foconapolitica.com.br

Continua depois da publicidade

No primeiro ato público como ministro da Defesa, Braga Netto, publicou uma ordem do dia alusiva ao aniversário de 57 anos do golpe militar de 1964, que ele chama de movimento de 31 de março de 1964. Braga Netto não faz referência aos 21 anos em que os militares se mantiveram no poder após o golpe nem a atos duros do regime como o AI-5, a censura à imprensa e a perseguição a políticos.

No ano passado, assinado pelo então ministro Fernando Azevedo e Silva, o texto afirmava que o movimento de 64 é um “marco para a democracia brasileira”.

Direitos humanos

O Departamento de Estado americano divulgou relatório sobre os direitos humanos em 2020 que aponta desrespeito do governo brasileiro à liberdade de expressão — que é garantida pela Constituição.

“A Constituição e a lei preveem liberdade de expressão, mas o governo nem sempre respeita esse direito”, diz o documento.

No documento sobre o Brasil, de 49 páginas, o governo dos Estados Unidos menciona que o presidente Jair Bolsonaro criticou verbalmente ou pelas redes sociais a imprensa por 53 vezes, número levantado pela organização Repórteres Sem Fronteiras.

Congresso

Deputados barram tentativa de aliado do governo de ampliar poderes de Bolsonaro na pandemia

Deputados barram tentativa de aliado do governo de ampliar poderes de Bolsonaro na pandemia

Vídeos, fotos e links (EDIÇÃO COMPLETA) no site  www.foconapolitica.com.br

Continua depois da publicidade

A tentativa de ampliar os poderes do presidente Jair Bolsonaro durante a pandemia fracassou na Câmara dos Deputados. O líder do PSL na Casa, Vitor Hugo (GO), não conseguiu pautar o projeto sobre “mobilização nacional”. O mecanismo, previsto na Constituição, foi regulamentado em lei específica para o caso de agressão estrangeira. Parlamentares de oposição afirmam que a proposta é tentativa de “golpe” e de concentração “absoluta” de poderes nas mãos do presidente.

Todo mundo de olho

Sarah no 'BBB21' — Foto: Reprodução/Globo

Sarah no ‘BBB21’ — Foto: Reprodução/Globo

Sarah foi a oitava eliminada no paredão do “Big Brother Brasil 21”, com 76,76% dos votos. Ela disputou a eliminação com Rodolffo (22%) e com Juliette (1,24%).

Vídeos, fotos e links (EDIÇÃO COMPLETA) no site  www.foconapolitica.com.br

Continua depois da publicidade

Enem não é só no Brasil

A Universidade de Coimbra foi a primeira entidade estrangeira a assinar o convênio com o Inep, em maio de 2014. — Foto: Getty Images

A Universidade de Coimbra foi a primeira entidade estrangeira a assinar o convênio com o Inep, em maio de 2014. — Foto: Getty Images

O Enem também pode ajudar em processos seletivos de faculdades estrangeiras, especialmente em Portugal. Vale em Coimbra, Porto e Lisboa, por exemplo. L

Vídeos, fotos e links (EDIÇÃO COMPLETA) no site  www.foconapolitica.com.br

Continua depois da publicidade

Só para maiores

Folhas da planta cannabis sativa, conhecida como maconha — Foto: Unsplash

Folhas da planta cannabis sativa, conhecida como maconha — Foto: Unsplash

O Senado e a Câmara do estado de Nova York aprovaram a legalização da posse de pequenas porções de maconha e a eventual venda da substância para pessoas maiores de 21 anos, em uma das legislações mais abrangentes sobre o assunto nos Estados Unidos. A lei segue agora para o governador Andrew Cuomo, que já havia afirmado que iria sancioná-la. A decisão pode render ao estado cerca de US$ 350 milhões (R$ 2 bilhões) por ano.

Vídeos, fotos e links (EDIÇÃO COMPLETA) no site  www.foconapolitica.com.br

Continua depois da publicidade

Caso Henry Borel

Polícia tenta recuperar mensagens dos celulares de Dr. Jairinho e da mãe do menino Henry

Polícia tenta recuperar mensagens dos celulares de Dr. Jairinho e da mãe do menino Henry

Vídeos, fotos e links (EDIÇÃO COMPLETA) no site  www.foconapolitica.com.br

Continua depois da publicidade

A polícia vai usar um programa para tentar recuperar dados e acessar mensagens que foram apagadas dos celulares da mãe e do padrasto do menino Henry Borel. Os investigadores já ouviram depoimentos de 16 pessoas sobre o caso. Ao todo, 11 celulares foram apreendidos – são aparelhos do vereador Dr. Jairinho, Monique (mãe de Henry) e Leniel (pai do menino).Todos os telefones vão ser periciados.

Lembre o caso: Henry, de 4 anos, morreu no início desse mês em circunstâncias que ainda não foram esclarecidas. A criança estava na casa do padrasto e da mãe, na Barra da Tijuca, Zona Oeste, e, segundo a versão deles, foi encontrada desacordada e levada para o hospital.

Volta do benefício

Auxílio emergencial começou a ser pago em abril de 2020 — Foto: LEONARDO SÁ/AG SENADO via BBC

Auxílio emergencial começou a ser pago em abril de 2020 — Foto: LEONARDO SÁ/AG SENADO via BBC

A partir de 1º de abril, os trabalhadores vão poder consultar no site da Dataprev se têm direito à nova rodada do auxílio emergencial. O retorno do benefício será em quatro parcelas, com valores específicos conforme o perfil de quem recebe. A média é de R$ 250, mas pode variar de R$ 150 a R$ 375, a depender da composição de cada família.

Vídeos, fotos e links (EDIÇÃO COMPLETA) no site  www.foconapolitica.com.br

Continua depois da publicidade

Depósitos pelo app

WhatsApp vai permitir fazer pagamentos a amigos e lojas pelo aplicativo. — Foto: Divulgação/WhatsApp

WhatsApp vai permitir fazer pagamentos a amigos e lojas pelo aplicativo. — Foto: Divulgação/WhatsApp

Vídeos, fotos e links (EDIÇÃO COMPLETA) no site  www.foconapolitica.com.br

Continua depois da publicidade

O Banco Central (BC) concedeu autorizações de funcionamento que permitem a realização de transferências bancárias pelo WhatsApp. A empresa Facebook Pagamentos do Brasil foi aprovada como um “iniciador de pagamentos”. Segundo o BC, as operações poderão ser feitas a partir da data em que o WhatsApp disponibilizar a funcionalidade ao cliente e a tarifa cobrada pela transação bancária será definida pelo aplicativo. Em nota à imprensa, a instituição avaliou que a medida pode levar a uma redução nos custos de transações financeiras.

Mega-Sena

 Aposta única da Mega-Sena custa R$ 4,50 e apostas podem ser feitas até às 19h — Foto: Marcelo Brandt/G1

Aposta única da Mega-Sena custa R$ 4,50 e apostas podem ser feitas até às 19h — Foto: Marcelo Brandt/G1

Vídeos, fotos e links (EDIÇÃO COMPLETA) no site  www.foconapolitica.com.br

Continua depois da publicidade

O concurso 2.357 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 2,5 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h desta quarta (31).

E um dos ganhadores da Mega da Virada tem até hoje para resgatar mais de R$ 162,2 milhões.Se deixar passar dessa data, o apostador, que é de São Paulo, perde o direito ao prêmio, que vai se tornar o maior a ser esquecido na história das loterias da Caixa.

Música

Fonte: G1
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp