Sexta, 07 de Maio de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

24°

23° 30°

Teresina - PI

Últimas notícias
R10 Utilidade Pública
R10 Utilidade Pública
Tudo sobre utilidade pública.
Piauí Piauí
20/04/2021 15h31 Atualizada há 2 semanas
Por: Bruna Sampaio

Sindjor-PI e Fenaj repudiam ataques contra criador da pagina 'O Piauiense'

Foto: reprodução instagram
Foto: reprodução instagram

Nesta terça-feira (20), o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Piauí (sindjor) e a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) divulgaram nota repudiando os ataques contra o jornalista Petrus Evelyn, criador da página 'O Piauiense', após ele denunciar pagamentos feitos pela Assembleia Legislativa (Alepi) a servidores supostamente fantasmas.

O jornalista tem causado grande repercussão no cenário piauiense com a divulgação de nomes de pessoas que “trabalham” como assessores parlamentares na ALEPI.

Ele passou a analisar separadamente cada um dos CPFs, e fez uma espécie de dossiê com dados divulgados sobre jornalistas, esposas, filhos, e várias pessoas recebem da ALEPI de forma supostamente “ilegal”, pois seriam “funcionários fantasmas”, ou seja recebem salários sem prestar os serviços para o qual foram contratados.

Continua depois da publicidade

Em nota, o Sindjor e a Fenaj afirmam que "o jornalista Petrus Evelin não inventou nada. Todas as informações por ele divulgadas foram obtidas no Portal da Transparência. Ameaçar o jornalista, tentar desqualificá-lo ou silenciá-lo não vai apagar esses malfeitos naquela Casa Legislativa".

As entidades frisam ainda que "se alguém se acha prejudicado pelas denúncias do editor de O Piauiense, que busque reparações na Justiça".

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por sindjorpi (@sindjorpi)

Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp