Sábado, 12 de Junho de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

33°

23° 33°

Teresina - PI

Últimas notícias
R10 Utilidade Pública
R10 Utilidade Pública
Tudo sobre utilidade pública.
Brasil Brasil
13/05/2021 14h47
Por: Bruna Sampaio

Pfizer diz que governo brasileiro ignorou oferta de vacinas em 2020

Foto: ADRIANO MACHADO / REUTERS
Foto: ADRIANO MACHADO / REUTERS

O gerente-geral da farmacêutica Pfizer na América Latina, Carlos Murillo,  afirmou à CPI da Covid no Senado nesta quinta-feira que o governo brasileiro não respondeu às propostas de contrato da compra de vacinas, sendo a primeira delas feita em 15 de agosto de 2020. Se o Brasil tivesse negociado com a Pfizer a aquisição dos imunizantes em agosto de 2020, o país poderia ter recebido 4,5 milhões de doses a mais de vacinas contra a Covid-19 ate março deste ano. A melhor oferta feita pela empresa na época previa 1,5 milhão de doses já em 2020 e outras 3 milhões no primeiro trimestre de 2021. Durante o depoimento, o executivo confirmou reunião de diretora jurídica da empresa com Carlos Bolsonaro e Fábio Wajngarten. Ontem, o ex-secretário de Comunicação Social Fábio Wajngarten omitiu a presença do vereador do Rio no encontro.

O fato de o governo Bolsonaro ter menosprezado os contatos da Pfizer fez com que o Brasil não aplicasse no primeiro trimestre deste ano nenhuma dose daquela que é considerada uma das melhores vacinas contra a Covid-19.

Assista ao vivo a sessão

Continua depois da publicidade

 
 
 
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp