Domingo, 26 de Junho de 2022
86 9 98219621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 99800-8359

22°

20° 34°

Teresina - PI

Últimas notícias
Jucelma Sales
Jucelma Sales Correspondente do município.
Cidades Vacinação
25/05/2021 09h37
Por: Jucelma Sales

Adapi Picos convoca produtores para vacinar o rebanho contra febre aftosa

A Agência de Defesa Agropecuária do Piauí (ADAPI) de Picos lembra os criadores de bovinos e bubalinos para vacinarem seu rebanho contra febre aftosa e fazerem a certificação dentro do prazo estipulado.

A primeira etapa de 2021 da campanha de vacinação contra a febre aftosa no Estado do Piauí teve início no dia 1º de maio de segue até 30 de junho e o prazo para a certificação será até 15 de julho.  A dose de vacina a ser aplicada é de 2ml.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

De acordo com o fiscal agropecuário da Adapi de Picos, Francisco Esdra, a meta estabelecida pelo Ministério da Agricultura é que o Piauí atinja um percentual mínimo de 90% da cobertura vacinal desses animais e, ainda frisa que a campanha geralmente é de 30 dias, porém,  o prazo foi estendido devido a pandemia da Covid-19.

Continua depois da publicidade

"A campanha se estendeu, justamente para evitar aglomerações, tanto na aquisição da vacina, como na certificação, ou seja, vai facilitar para o produtor adquirir com mais folga e com segurança a vacina e evitar aglomerações nas lojas e nos escritórios", esclareceu Francisco Esdra. 

No ato da aquisição da vacina, o produtor deverá apresentar o CPF , solicitar a nota fiscal da vacina, imunizar o rebanho e posteriormente procurar os escritórios da Adapi na cidade de Picos ou municípios vizinhos para que o criador possa ficar quite perante a Defesa Agropecuária e seu dever de criador.

Francisco Esdra, ressalta a importância do produtor manter seu rebanho vacinado e atualizado junto a Adapi.

" Isso é justamente para facilitar que o Estado, no futuro próximo deixe de exigir a vacinação propriamente dita e a Adapi passar a fazer somente um controle na parte de vigilância , mas,  para isso acontecer os índices percentuais deve atingir a meta estabelecida pelo Ministério da Agricultura que é de 90%", frisou Francisco Esdra.

Evite multas e consequências 

Caso o criador, não cumpra com as exigências referentes a saúde do animal, ou seja, a vacinação contra a febre aftosa, o produtor poderá sofrer sanções administrativas, multa que varia de acordo com o número de cabeças de animais existente na propriedade. Além disso, o criador fica impedido de acessar políticas públicas do Governo Federal, no caso o Pronaf (Programa Nacional de de Fortalecimento da Agricultura Familiar) e, não consegue fazer a emissão do Guia de Trânsito Animal (GTA) do rebanho e nem comprar outros animais de quem não vacinou.

No entanto, também não poderá comprar milho na Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), que é o milho com preso mais acessível aos produtores, quem não tiver em dias com a vacinação não consegue comprar o milho.

Agendamento

Os produtores que ao se dirigirem as cidades para adquirir as vacinas devem ter o cuidado com as normas determinadas pelas  autoridades de saúde no sentido de usar mascara, evitar aglomerações e procura um horário mais tranquilo para adquiri suas vacinas se possível agendar com o revendedor.

O criador poderá agendar seu atendimento presencial na Adapi em Picos ou no interior, via remota ou Whatsapp.

Telefones para contato de Picos: (89)99929-3274 (Edilton Pedro) ou (89)99984-3147 (Francisco Esdra).

Cidades que Adapi de Picos atende

O escritório da Adapi de Picos atende também as cidades de Geminiano , Monsenhor Hipólito, Campo Grande, Francisco Santos, Sussuapara, Vera Mendes, Aroeira do Itaim , Itainópolis e Santana do Piauí. 

Esses município fazem parte da Adapi de picos, em um quantitativo perto das 40 mil cabeças.

Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp