Segunda, 12 de novembro de 2018
(86) 99915-1055
Desk Propaganda
[email protected]
86 8118-6105
São João do Arraial-PI

São João do Arraial-PI

Leônidas Silva Correspondente do município.

[email protected]

86 8118-6105

Cidades - Segurança

Postada em 03/05/2018 ás 01h51 - atualizada em 03/05/2018 ás 02h24

Publicada por: Leônidas Silva

Câmara Municipal de São João do Arraial realizou audiência pública para tratar sobre a segurança
A audiência pública teve a presença de todos os vereadores de São João do Arraial, da Prefeita Vilma Lima e de várias outras autoridades.
Câmara Municipal de São João do Arraial realizou audiência pública para tratar sobre a segurança

Nesta quarta feira (02) foi realizada uma audiência pública em São João do Arraial, para tratar sobre a segurança pública no Município. A audiência pública teve início as 18 horas, na quadra da Escola Municipal da Liberdade Paulo Freire, e contou com a presença dos oito vereadores e da vereadora do Município de São João do Arraial, da Prefeita Vilma Lima, o promotor Jorge Luiz da Costa Pessoa, responsável pela Comarca de Matias Olímpio e São João do Arraial, Capitão Ângelo, Capitão Albuquerque, Presidente do Conselho Tutelar no Município de São João do Arraial, Kívia e o Sargento Gomes Neto, Comandante do GPM de São João do Arraial.

 

Em seu pronunciamento a vereadora Socorro Barbosa (PR) lamentou a situação da violência no Município e disse que as vezes sente medo, e citou o exemplo da vereadora Marielle, que foi assassinada a tiros, no Estado do Rio de Janeiro, e disse está a disposição para tentar resolver o problema da violência no Município.

 

O Vereador Francisco Araújo-Cajé (PSDB) culpou o governo do Estado pela violência, e que segundo o vereador, isso só acontece porque o governador não está dando a atenção devida para a segurança pública no Município e no Estado.

 

O Presidente da Câmara Municipal, Vereador João Ferreira Pontes-Jurandir (PTB) falou que não se deve culpar a polícia, a Prefeita e nem os vereadores, e sim ajudar a polícia a combater os crimes, através de denúncias, e procurar soluções para esses problemas. O vereador parabenizou a Prefeita Vilma Lima, o Deputado Limma e o governador Wellington Dias pelo reforço na segurança do Município. O vereador falou ainda sobre os pancadões que são realizados praticamente todos os fins de semana, na cidade. Segundo o vereador, nesse tipo de festas "existe muita coisa que não presta", e que isso só contribui para o aumento da criminalidade no Município.

 

O Vereador Erismar Nunes-Mamar (PRP) disse que já cobrou várias vezes, segurança para o Município, e que na última sessão realizada na Câmara Municipal, apresentou requerimento solicitando duas motocicletas para a Polícia Militar do Município de São João do Arraial, porque muitas vezes a polícia deixa de ir atrás de bandidos porque tem lugares onde a viatura não consegue entrar, e com as motocicletas ficará bem mais fácil.

 

O Vereador Amilton Onofre (PT) lamentou a situação da violência no Município e disse que não basta apenas a polícia trabalhar, mas que também é preciso que as pessoas denunciem, pois assim ficará mais fácil para a polícia trabalhar.

 

O Vereador Paulo Soares (MDB) disse que a polícia precisa ter mais "condição" para trabalhar, porque segundo ele os bandidos estão mais preparados do que a polícia, e pediu mais empenho do governo do Estado para melhorar a segurança pública no Município.

 

O Vereador Valfran Mesquita (Progressista) falou que mesmo que a questão da segurança pública não seja responsabilidade dos vereadores e nem da prefeita, pois é responsabilidade é do governo do Estado, mas é uma preocupação dos vereadores e da prefeita em resolver o problema e dar satisfações para a população, porque eles foram eleitos pelo povo para administrar o Município.

 

O Vereador Jamil Freitas (PTB) disse que é uma preocupação da polícia, dos vereadores e da prefeita em resolver o problema da segurança pública no Município, e que sabe o quanto é ruim ser assaltado.

 

O Vereador João do Bom Jesus Amorim-DR Júnior (PSD) defendeu que uma das formas para combater o crime no Município de São João do Arraial é através das blitz nas motos, porque a maioria dos crimes que acontecem no município são praticados por pessoas que utilizam como meio de transporte a motocicleta.

 

O Sargento Gomes Neto, Comandante do GPM de São João do Arraial, pediu que a população contribua com a polícia, através de denúncias, e que as pessoas não precisam se identificar para fazer uma denúncia, o importante é está contribuindo com a polícia e com a segurança do Município. O Sargento disponibilizou a todos o número para a população poder fazer denúncias. O número para denunciar diretamente para a Polícia Militar de São João do Arraial é 981824097.

 

O Capitão Albuquerque pediu para que as pessoas possam contribuir com a polícia, fazendo denúncias, e que as pessoas não tenham medo, pois o principal objetivo da polícia não é deixar as pessoas como medo, muito pelo contrário, o objetivo da polícia é fazer a segurança da população e proteger dos bandidos.

 

O Capitão Ângelo disse que uma das soluções para a questão da violência seria o monitoramento da cidade, através de instalações de câmeras de seguranças nas ruas.

 

O promotor Jorge Luiz da Costa Pessoa falou que a maioria dos crimes ocorrem devido o tráfico de drogas. Falou também sobre a questão de menores de idade pilotando motocicletas, e pediu aos pais que não permitam que seus filhos menores de idade pilotem motos, pois se caso venha acontecer um acidente onde um menor esteja pilotando uma motocicleta os pais serão responsabilizados. O promotor falou ainda sobre a questão de jovens que empinam a roda das motocicletas, e alertou que quem for flagrado cometendo esse tipo de infração, terá a motocicleta apreendida e poderá está respondendo a um TCO. Falou também sobre os paredões, disse que se por acaso o som estiver ultrapassando o limite permitido e os vizinhos do local onde esteja acontecendo o evento com paredão de som se sentirem incomodado podem está denunciando, e que caso isso venha acontecer, a polícia poderá está mandado parar o evento e apreendendo o som.

 

Em seu pronunciamento a prefeita Vilma Lima (PT) falou que já está sendo providenciado o sistema de monitoramento da cidade através de instalações de câmeras de segurança, e que em breve já estará sendo colocado em prática. A Prefeita pediu que as famílias fiquem mais atentas com os filhos, para evitar que se envolvam com coisas erradas. Falou também sobre o programa Criança Feliz, que hoje atende mais de 100 famílias no Município, e pediu que a população contribua com a polícia, fazendo denúncias.

 

Após os pronunciamentos das autoridades foi aberto o espaço para que todos do público presente pudesse se manifestar e fazer perguntas para as autoridades.

 

 

 

  Veja fotos

O conteúdo divulgado aqui neste espaço através de fotos, textos, vídeos e/ou opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo divulgado não expressa e não mantém nenhuma relação com a linha editorial e a visão do PortalR10.
R10 no Facebook:
imprimir
Veja também
Revista ADV
Últimas
Mais lidas da semana
TV R10
Municípios
© Copyright 2018 - Portal R10 - Todos os direitos reservados
R10 TV Municípios Colunas Anuncie Fale conosco
Site desenvolvido pela Lenium