Quinta, 09 de Dezembro de 2021
86 9 98219621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 99800-8359

28°

25° 32°

Teresina - PI

Últimas notícias
R10 Policial
R10 Policial
Tudo sobre notícias policiais do Brasil e do mundo.
Polícia Acidente
21/10/2021 08h06 Atualizada há 2 meses
Por: Francine Dutra

Duas pessoas morrem carbonizadas após helicóptero cair

Um helicóptero carregado com cerca de 300 quilos de cocaína caiu e explodiu, nesta quarta-feira (20), na zona rural do município de Ponta Porã, na fronteira do Brasil com o Paraguai. Os dois ocupantes morreram carbonizados. A droga, embalada na forma de tabletes, ficou espalhada por uma área extensa, junto com destroços da aeronave.

Conforme a Secretaria de Segurança Pública de Ponta Porã, o helicóptero de modelo Robinson R66, com cinco lugares, caiu na propriedade rural da empresa agrícola Jotabasso Sementes. O local da queda fica a 50 quilômetros da sede da fazenda. Os destroços foram localizados por funcionários da propriedade que faziam a aplicação de defensivos agrícolas em lavouras.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Agentes da Polícia Federal e uma equipe do Departamento de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) da Polícia Civil estadual fizeram levantamentos no local. A droga foi levada à sede da PF em Ponta Porã. Os corpos das vítimas foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) e não tinham sido identificados até o fim da tarde. A região de fronteira é rota do tráfico que abastece de drogas o Brasil e países do exterior.

Continua depois da publicidade

A PF e a Polícia Civil investigam a origem e o destino da droga. A empresa Jotabasso Sementes informou em nota que não tem qualquer relação com o helicóptero acidentado. “As atividades da Jotabasso estão concentradas na produção e comercialização de sementes de soja, sorgo, milho e aveia, não tendo qualquer relação com atividades ilegais”, disse.

Fonte: Estadão
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp