Segunda, 23 de Maio de 2022
86 9 98219621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 99800-8359

25°

23° 31°

Teresina - PI

Últimas notícias
Saúde
Saúde
Encontre aqui notícias sobre saúde e bem-estar.
Geral Ainda dá tempo!
08/11/2021 16h21 Atualizada há 6 meses
Por: Marina Sousa

Correndo atrás do prejuízo: 10 dicas para emagrecer até o final do ano

Exercícios de força causam micro rompimentos no tecido muscular, que é reconstruído com o auxílio de aminoácidos (Foto: Getty Images/ Reprodução)
Exercícios de força causam micro rompimentos no tecido muscular, que é reconstruído com o auxílio de aminoácidos (Foto: Getty Images/ Reprodução)

2. Persistência na academia e treinos de força

Se você não tem o hábito de se exercitar, é melhor começar já. A atividade física eleva significantemente as calorias gastas. O personal treiner Cássio Fidlay indica que o mínimo de treinos semanais para perder gordura é de duas vezes na semana, sendo que deve-se trabalhar todos os músculos em dias não consecutivos, neste caso.

Apesar de muitos acreditarem o contrário, ele destaca a importância da musculação no processo de emagrecimento. "Musculação é mais indicado do que cardio, porque rompe mais fibras, criando microlesões no músculo e, consequentemente, demora-se muito mais tempo para recuperar o tecido". Fidlay afirma que o período de recuperação do corpo após um treino intenso de força é de 24 a 72 horas. Enquanto isso, para os aeróbicos, essa duração é de 12 a 24 horas. Esse tempo de recuperação significa que novas fibras estão sendo desenvolvidas no seu corpo, de forma que ele passa a gastar mais energia para manter-se em funcionamento.

"O cardio complementa a musculação, pois com ele, você consegue emagrecer, efetivamente, até um certo ponto. Com a musculação não, já que vai aumentando a carga", ele explica, sempre reafirmando que a execução correta de movimentos deve prevalecer à quantidade de peso que se levanta.

Para os que já encaram uma rotina de treinos, o personal recomenta a frequência de quatro a seis vezes por semana, sendo que cada grupo muscular deve descansar por, no mínimo, 48 horas. "O músculo cresce e restaura as fibras quando está descansando".

Slide 2 de 10
Anterior Próximo
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp