Quinta, 24 de Junho de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

25°

23° 33°

Teresina - PI

Últimas notícias
R10 municípios
R10 municípios Redação do Portal R10 / Equipe R10 Municípios
Cidades
13/05/2018 01h26
Por: Thainah Cortez

Festa do Divino desenvolve Projeto Social de Paz no trânsito

A Paróquia de Nossa Senhora da Vitória, a equipe organizadora da Festa do Divino, a equipe de Campanha da Fraternidade e a OAB Subseção de Oeiras desenvolveram um projeto social a respeito da superação da violência no trânsito a ser desenvolvido durante a preparação e a Festa do Divino 2018. Durante as tardes de louvor o tema tem sido meditado e são realizadas proposituras de gestos concretos de defesa da vida. 

Na manhã desta quinta-feira o projeto realizou uma mesa redonda, com participação do Bispo Diocesano Dom Edilson Nobre, o Padre Possidônio Barbosa, a Presidente da OAB Subseção de Oeiras Dra. Sânia Mary Mesquita, o Presidente e Vice-Presidente da Comissão de Trânsito da OAB/PI Dr. Carlos Terto e Dr. Bruno Lajes, a psicóloga especializada em trânsito Dra Aline Martins (representando a Clínica Psicotran, a UPA e o Hospital Regional), o Diretor da CIRETRAN Oeiras Dr. Fleyman Fontes, o Major França representante da PM-PI e os comunicadores da FM Educativa Cristo Rei Lúcia Vasconcelos e Jeremias. 

Continua depois da publicidade

Reunidos na Catedral de Nossa Senhora da Vitória, por meio da Rádio Vale do Canindé, os debatedores levaram estatísticas de uma realidade alarmante no mundo, no Brasil, mas especificamente em Oeiras, em que na UPA são atendidos em média 4 pessoas acidentadas por dia. Em 2016 foram 2016: 1749 atendimentos de vítimas de eventos de trânsito, com 12 óbitos diretos. No ano seguinte (2017), a UPA registrou 1.715 atendimentos relacionados a eventos de trânsito e 13 óbitos diretos. No fluente ano, somente no primeiro trimestre (Jan-Mar/2018) foram 427 atendimentos na UPA de vítimas de eventos de trânsito com 2 óbitos diretos. 

Em suas falas, os participantes procuraram evidenciar o papel fundamental dos atores de trânsito (motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres) como determinantes a mudar essa triste realidade, já que as principais causas que resultam nestes traumas de trânsito são plenamente evitáveis: dirigir sob efeito do álcool ou entorpecentes (causa de 30% das mortes), velocidade inadequada, inexperiência na direção e/ou não estar habilitado, falta de atenção e manutenção do veículo; falta de sinalização adequada, intolerância no trânsito, agressividade, etc. 

O projeto social continua durante preparação para a Solenidade do Divino Espírito Santo, até o dia 20 de maio, nas novenas, com promoção de palestras nas escolas e podendo estender-se além do período da festa. A equipe organizadora propõe que os fiéis assumam o compromisso de um gesto concreto pela segurança no trânsito, pela promoção da paz também nessa esfera, que seja o respeito às regras de trânsito, sobretudo uso dos equipamentos de segurança (cinto e capacete). 

Fonte: Mural da vila
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp