Quarta, 26 de Janeiro de 2022
86 9 98219621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 99800-8359

24°

24° 34°

Teresina - PI

Últimas notícias
Esportes
Esportes
Tudo sobre esportes no Piauí, Brasil e no Mundo.
Geral Geral
27/11/2021 16h37
Por: Marina Sousa

Brasil lidera quadro de medalhas nos Jogos Pan-Americanos Júnior

A delegação brasileira conquistou 10 ouros, 5 pratas e 5 bronzes no primeiro dia de disputas dos Jogos Pan-Americanos Júnior, que estão sendo disputados em Cali, na Colômbia. Com os resultados de sexta-feira (26), o time verde e amarelo assumiu a liderança no quadro geral de medalhas. E, além disso, classificou oito atletas para os Jogos Pan-Americanos de Santiago 2023.

As primeiras vagas foram do triatleta Miguel Hidalgo e da skatista Pâmela Rosa, que venceram as disputas nas respectivas modalidades. Além deles, Lucas Rabelo (skate street), Sandy Macedo (taekwondo – 57kg), Aléxia Nascimento (judô – 48kg), Gabriel Falcão (judô – 73kg), Maria Paula Heitmann (400m livre) e Matheus Gonche (200m borboleta) também ficaram com a medalha dourada e se garantiram no torneio adulto que será disputado na capital chilena daqui a dois anos.

Washington Alves/COB
Washington Alves/COB

"Foi um dia incrível, o resultado fala por si só. É um passo muito grande na minha carreira e uma felicidade imensa ser campeã nesta primeira edição do Pan Júnior”, disse Sandy Macedo, falando à assessoria do Comitê Olímpico do Brasil. “É um momento histórico. Tive lutas muito complicadas, principalmente na final, quando comecei em desvantagem de dois shidos. Mas tive força e me sinto realizada por ter conquistado a vaga para o Pan de Santiago”, comemorou Aléxia Nascimento, que derrotou a venezuelana Maria Gabriela Guzmán na decisão.

Os atletas brasileiros foram ao pódio em oito modalidades diferentes: triatlo, skate, judô, taekwondo, natação, tiro esportivo, ginástica artística e canoagem velocidade.

A competição segue sendo disputada na Colômbia até o próximo dia cinco de dezembro. E o Brasil está representado pela terceira maior delegação do evento. São 358 atletas. Apenas os anfitriões, com 417, e o México, com 381, têm mais participantes.

Fonte: Agencia Brasil
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp