Quarta, 18 de Maio de 2022
86 9 98219621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 99800-8359

26°

22° 32°

Teresina - PI

Últimas notícias
Blog do Lucão
Blog do Lucão Fique por dentro de tudo que acontece na região.
Cidades Policial
18/01/2022 15h39 Atualizada há 4 meses
Por: Blog do Lucão

Desportista Carlinhos não foi vítima de crime passional, e sim de latrocínio. Diz DHPP/Timon

O Inquérito Policial que apura a morte de Carlos Henrique, ocorrida na madrugada de sábado(15) foi encaminhado ao 2º DP de Timon, pois não trata-se de crime passional, como chegou a ser ventilado pelos elementos que foram colocados inclusive por amigos da vítima, que davam conta que ele teria tido um encontro como uma mulher recém separada. O encontro é verdade, mas a mulher faz anos que está separada, entretanto o desfecho com a morte do desportista não tem nenhuma relação com esse encontro. 

Oitivas

A morte do desportista amador e auxiliar de eletricista Carlinhos causou comoção na sociedade timomense no último fim de semana.
A morte do desportista amador e auxiliar de eletricista Carlinhos causou comoção na sociedade timomense no último fim de semana.

Após ouvir as testemunhas e montar o quebra-cabeças, ainda nesta segunda-feira(17) a Delegacia de Homicídios apurou que se trata de latrocínio, roubo com consequência morte

Dinâmica do Latrocínio

Por volta das 23h30  de sexta-feira(14) dois indivíduos a pé fizeram um roubo na rua 18 do Parque Alvorada; foram 4 vítimas de quem levaram carteiras com dinheiro e celulares. Um pouco depois, já nos primeiros minutos de sábado(15)  l, na rua 16, um deles abordou a vítima (Carlos Henrique) que reagiu e lutou contra o assaltante

Prova material do latrocínio

Durante a luta do desportista Carlinhos com um dos assaltantes,  a carteira de uma das vítimas caiu ... A carteira com dinheiro e documentos da vítima assaltada na rua 18 minutos antes

Testemunhas do crime hediondo

Além de testemunhas que estavam na rua no momento que Carlos foi abordado.... disseram que viram que o assaltante anunciou o assalto e subtraiu celular da vítima, antes de alvejá-lo várias vezes.

Hipótese passional refutada

Cabe ressaltar que conforme apurado pela DH, o ex-marido  é pessoa ilibada, sem processos criminais e nenhuma investigação.

PUBLICIDADE:

Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp