Quinta, 19 de Maio de 2022
86 9 98219621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 99800-8359

26°

24° 31°

Teresina - PI

Últimas notícias
Blog do Lucão
Blog do Lucão Fique por dentro de tudo que acontece na região.
Cidades Policial
31/01/2022 21h38 Atualizada há 4 meses
Por: Blog do Lucão

Ex-candidato a prefeito de Matinha tenta matar ex-mulher dentro de fazenda em Viana-MA

A mulher identificada como Clecia Amaral, de 40 anos, foi agredida com socos no rosto, chutes e puxões de cabelo pelo ex-companheiro, Francisco Mendonça Silva Júnior, mais conhecido como 'Junior de Raquima'.

O crime aconteceu nesse sábado (29), em uma fazenda situada na zona rural de Viana, cidade distante 429 km de São Luís.

Ex-candidato a prefeito de Matinha tenta matar ex-mulher dentro de fazenda em Viana-MA

'Junior de Raquima' foi candidato a prefeito do município de Matinha, nas Eleições de 2020, pelo partido Liberal (PL).

Segundo a mulher, eles foram casados por mais de 20 anos e tiveram três filhos. Segundo Clecia, Francisco não aceitava o fim do relacionamento com ela. Eles estavam separados desde setembro de 2021.

Contra o suspeito, a mulher já tinha uma medida protetiva de urgência válida, também, por agressões físicas que sofreu do ex-companheiro.

As agressões

De acordo com a mulher, por volta das 18h de sábado, ela estava na fazenda, situada no povoado Bahias, em Viana, quando Francisco Mendonça invadiu a propriedade, arrombou a porta e começou a agredir a vítima com socos no rosto, chutes e puxões de cabelo.

Puxada pelo cabelo, Clecia foi arrastada para fora da fazenda onde as agressões continuaram. O suspeito estava na companhia de um outro homem, identificado como Leones, que segurou a vítima para que o ex-companheiro a agredisse ainda mais. Os dois estavam armados.

As agressões duraram cerca de 40 minutos. A vítima contou que, além das agressões, Francisco Mendonça fez várias ameaças contra ela, inclusive de morte, e afirmou que a mulher só pararia de apanhar quando o proprietário da fazenda, que estava escondido, chegasse ao local.

 

A vítima conseguiu fugir dos agressores e saiu correndo em direção a casa de vizinhos, onde conseguiu se esconder.

 

Após as agressões contra Clecia, Francisco Mendonça fugiu do local. Durante a fuga, em uma caminhonete, o agressor atropelou duas pessoas em uma avenida de Viana. As vítimas foram encaminhadas ao hospital, onde passaram por procedimentos cirúrgicos.

Investigação

O crime já é investigado pela Polícia Civil do Maranhão. De acordo com o delegado Matheus Ferraz, plantonista da Delegacia Regional de Viana, todas as primeiras providências foram tomadas, incluindo o registro da ocorrência, os depoimentos da vítima e testemunha, o exame de corpo de delito e as fotografias relacionadas ao fato.

"Fizemos, ainda, em conjunto com a Polícia Militar, diversas buscas na cidade. Conseguimos encontrar o carro em que o investigado estava, mas não encontramos o autor. O carro estava batido na frente, pois o autor chegou a atropelar duas pessoas durante a fuga, uma delas quebrou a perna", informou o delegado.

 

Ainda segundo o delegado, ainda não foi expedido um mandado de prisão contra Francisco Mendonça, pois é necessário a representação, o parecer do Ministério Público e a decisão judicial. O delegado espera que o mandado de prisão seja expedido em até dois dias.

PUBLICIDADE:

Fonte: Gilberto Lima
Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp