Segunda, 27 de Junho de 2022
86 9 98219621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 99800-8359

23°

21° 35°

Teresina - PI

Últimas notícias
Turismo
Turismo
Notícias sobre turismo no Piauí, Brasil e Mundo.
Teresina Novidade
30/03/2022 09h20
Por: Marina Sousa

Teresina ganhará passeio turístico pelo rio Poti

O governador Wellington Dias participou, na tarde dessa terça-feira (29), do passeio experimental da Villa Poti, uma nova ferramenta de promoção do turismo náutico na capital piauiense. A embarcação, tipo catamarã, levou um grupo de autoridades pelo Rio Poti, no trecho entre o pier no Centro de Educação Ambiental até a Ponte Estaiada. O trajeto, de aproximadamente 40 minutos, foi marcado pela brisa agradável do fim de tarde nublado.

“Um passeio Poti-Parnaíba. A gente poder fazer como nos velhos tempos, numa condição de ter integração pelos rios com a cidade de Palmeirais, União, de poder curtir as ilhas aqui no período que não chove e ao mesmo tempo apreciar a beleza que é essa cidade mesopotâmica” declarou Dias.

O catamarã tem capacidade para 35 pessoas. Possui dois andares e uma sala vip climatizada. A embarcação é considerada multiuso, podendo ser utilizada para fins de lazer, trabalho, pesquisa e atividades educativas.

Teresina ganhará passeio turístico pelo rio Poti

‘Nós temos uma capital entre dois rios com pouco turismo relacionado às águas. A gente acredita que isso será um plus a mais. Vamos usar tanto para passeios diurnos, que vão interligar o Zoobotânico até a Potycabana, com coquetéis, festas de aniversários ou jantares noturnos” esclareceu Carina Câmara, superintendente da Secretaria do Turismo (Setur).

“É um catamarã moderno que tem muito a agregar aos passeios turísticos aqui na capital. Sabemos que ainda há uma deficiência grande nesta área. Esse passeio certamente vem num momento certo, quando estamos saindo de uma pandemia” acrescentou Flávio Nogueira Júnior, secretário do Turismo.

Continua depois da publicidade

A Villa Poti será gerida apor intermédio de uma parceria público-privada. A concessionária é o Bioparque Zoo, o mesmo que administra o antigo Parque Zoobotânico. A empresa precisa montar um plano de trabalho e submeter à apreciação da Setur para análise e aprovação, antes de começar a operar.

“A concessionária entra com toda a parte de estrutura e apoio dentro do sinônimo de parceria e quem vai fazer a gestão do catamarã é o Bioparque Zoo. Eles vão administrar indicando inclusive como será utilizado” disse Viviane Moura, superintendente de Parcerias e Concessões (Suparc).

A previsão é de abrir a atração ao público no mês de maio. “Este barco, agregado ao que já se começou a fazer no Parque Zoobotânico, seguramente será um instrumento importante, tanto para o turismo quanto para a educação ambiental da nossa cidade e do nosso Estado” declarou Norberto Campelo, representante da concessionária.

Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp