Quinta, 13 de Maio de 2021
86 9 9821-9621

Redação

Whatsapp / Sugestôes

(86) 99821-9621

Cristina

Publicidade

(86) 98195-0154

31°

22° 33°

Teresina - PI

Últimas notícias
Francisco Menezes
Francisco Menezes Francisco Menezes é correspondente do município de Esperantina.
Cidades ESTADIO DE FUTEBOL
11/06/2018 21h32 Atualizada há 3 anos
Por: Francisco Menezes

Estádio de Esperantina, encontra-se com canteiro de obras abandonado. E o dinheiro?

Estádio de Esperantina, encontra-se com canteiro de obras abandonado. E o dinheiro?

O que era para ser um estádio de futebol do município de Esperantina se transformou em um local abandonando cheio de mato e animais sendo criados no local.

A obra que é executada pelo governo do estado através de uma emenda parlamentar do ex-deputado federal Marllos Sampaio, foi orçada em R$ 2.018.902.61 (dois milhões dezoito mil novecentos e dois reais e sessenta e um centavos). Mais de um ano depois da data prevista para a inauguração a obra encontra se totalmente em abandono.

Moradores relatam o medo que é morar nas proximidades do referido estádio, “todos os dias temos medo de algo possa acontecer no terreno desse estádio, o local esta cheio de mato, servindo de esconderijo para os marginais praticarem atos ilícitos, sem falar que ai tem uma parte coberta que serve de abrigo para a pratica de diversos crimes” relatou o denunciante.

Continua depois da publicidade

Em agosto do ano passado o então presidente da Fundespi, Paulo Martins esteve na cidade de Esperantina e visitou ao lado da prefeita Vilma Amorim, do presidente da câmara Manoel Filho, do secretário de esporte Epaminondas Albuquerque e do vereador Marcílio Farias as obras de construção do estádio municipal Pedro Portela.

Na oportunidade a prefeita de Esperantina Vilma Amorim (PT) disse que aproveitou a visita do presidente da Fundespi e pediu a ele mais celeridade as obras com a construtora responsável, disse ainda que o estádio é uma necessidade da cidade e que iria fazer todos os esforços para tirar esta obra do papel e que o governador também estava empenhado, ajudando a liberar recursos.

Ainda na sua fala a prefeita disse “ estamos confiante que no próximo ano (2018)  a gente entregue este estádio a população, mas queremos fazer também outras parcerias com a Fundespi na área do esporte para Esperantina”.

É pelo visto tudo não passou apenas de falácias, pois as obras do estádio pararam há bastante tempo e não vemos ninguém fazendo nada para que as obras retomem. Moradores pedem ao setor responsável pela limpeza da cidade que façam ao menos um roço no local, pois o medo da criminalidade é grande.

O OUTRO LADO

Falamos com o secretario de Esporte Epaminondas Albuquerque e o mesmo disse que a obra está sob o comando da empresa, e toda e qualquer ação de limpeza é de responsabilidade da empresa responsável pela construção do estádio, mais se comprometeu entrar em contato com os responsáveis e pedir para que fosse feito o roço do local.

Veja também
Desenvolvido por: Lenium®
Nosso grupo do WhatsAppWhatsApp